quarta-feira, 25 de maio de 2016

Código Emagrecer de Vez

O Código Emagrecer de Vez foi criado por Rodrigo Polesso através de E-Book que acabou se transformando num best-seller, devido já ter ajudado mais de 65.000 pessoas que aprenderam como conseguir um emagrecimento saudável e sem sacrifícios!

Quem não gostaria de ter o peso tão sonhado, em ficar com o corpinho sarado para as mulheres, e os homens com um visual mais atlético, sem aquelas volumosas barrigas que aparecem com uma vida sedentária, seguido de má alimentação e falta de tempo para se exercitar!

Claro que na vida de uma pessoa não basta apenas emagrecer, é preciso fazer isso, com saúde, sem tomar as bombas para tirar o apetite, remédios geralmente vendidos somente com prescrição médica, o bom é que emagrece rapidamente, o pior é que em poucos meses o corpo sofre o efeito sanfona, voltando novamente os quilos perdidos!


É justamente isso, que o Código Emagrecer de Vez não faz, o famoso emagrece e engorda, mesmo porque reúne num só programa, tudo o que a pessoa necessita para alcançar a transformação por completo de corpo, vida e mente.

O melhor é que o Código Emagrecer de Vez pode, e, deve ser usado por qualquer pessoa que tem como objetivo principal o emagrecimento sadio, assim, basta que siga todas as orientações que Rodrigo ensina nos E-Books, para ganhar mais força durante o treinamento, mais confiança, e ter a autoestima elevada!

Para emagrecer deverdade é fácil porque o Código Emagrecer de Vez foi dividido em 3 fases baseados no triângulo do emagrecimento para agilizar todo o processo. Confira:

Alimentação Forte conhecida como “AF”

·       A alimentação forte proporciona alimentos ricos em nutrientes essenciais para o emagrecimento, garantindo a saúde, e ainda, uma disposição melhor para aguentar o dia inteiro, além de emagrecer de uma maneira funcional.

Jejum Intermitente conhecida como “JI”

·       No Código Emagrecer de Vez, é o único onde o jejum é indicado, claro, que deve ser na maneira explicada pelo Rodrigo no E-Book.
É um tipo de jejum que faz parte do emagrecimento, por isso, tem limites e estratégias para cumprir.

Densidade Nutricional conhecida como “DN”

·       A ideia da Densidade Nutricional dentro do Código Emagrecer de Vez, explica que as pessoas primeiro devem ficar saudáveis, para depois, entrar na dieta propriamente dita, por isso, ensina quais alimentos devem ser ingeridos para ter uma maior concentração de micronutrientes, assim, emagrece com saúde!

E como não voltar a engordar?

Rodrigo Polesso pensou em tudo, e vai ensinar você a fazer os ajustes necessário na alimentação para não recuperar os quilos eliminados!


Quer saber mais? Clique em Código Emagrecer de Vez, para ser redirecionado para a página do autor! Veja mais dicas de emagrecimento no seguinte link: http://www.snqc.org/goji-diet-preco/

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Curso de Corel do Roberto Gazola

Um Curso de Corel Draw Top Top...

Olá pessoal tudo jóia, que bom falar com vocês, venho nesse artivo indicar um curso maravilhoso que conheci, além de ser completo, profissional, ainda é fácil; ele é da área de design, artesanato, gráfica e similare me refiro sobre um curso de corel draw completo que conheci do professor Roberto Gazola, em que ele desenvolveu e disponibiliza online com muitos bônus de brinde aos compradores.

Na verdade esse curso tem vários bônus como um Curso de Papelaria Personalizada embutindo dentro dele de graça, que por si só já me deixou maravilhado, porque gosto muito de criar papelarias personalizadas, o fato de poder criar meus próprios kits me deixa gamado.


Mas voltando ao curso de corel draw, ou curso de mascote, ou curso de design, ou Curso de Papelaria Personalizada, isso mesmo pessoal o curso tem muitos outros cursos embutidos dentro dele, quando comprei o que me chamou atenção foi o fato de ter um bônus de personalizados, a gente não imagina que os outros conteúdos possam ser benéficos ou que venham a agregar, mas são tão relacionados que só depois de ver as aulas que você entende, e a curva de aprendizagem de um módulo curso para outro se torna mais fácil a cada aula. 

Hoje além de estar ganhando dinheiro com corel draw artes, personalizados, também estou criando e vendendo adesivos de unhas que aprendi no curso, estou satisfeito.

Outro ponto importante que você precisa analisar nesse curso é que o professor disponibilizou o acesso por 2 anos, isso é muito importante, porque a maioria dos outros locais que pesquisei disponibilizou acesso por 3 ou 6 meses, éum tempo curto para nós que estamos sempre ocupados, ele já deixou direto por 2 anos, gostei muito dessa proposta.

Então gente vale a pena conhecer esse curso de corel draw, ou curso de mascote ou Curso de Papelaria Personalizada, são tantos cursos dentro que a gente fica perdido, rssss, conheçam porque o curso é excelente, faço de bom grado e por gratidão a atenção e qualidade do nosso colega Roberto Gazola em seu trabalho.

Sucesso a todos Carlos de Assis

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Tipos de maconha: conheça os tipos


Poucas pessoas sabem disso, mas a maconha possui muitos tipos de variações. Inclusive, existe uma feira que acontece nos Estados Unidos chamada "Medicinal Cannabis Cup NorCal" na qual o objetivo é mostrar os mais diferentes tipode maconha. E hoje você vai embarcar nessa "viagem".

Os tipos de maconha são diferenciados pela quantidade de Tetra-hidrocanabinol a planta tem. O THC, como é conhecida essa substância, é o agente ativo da maconha e é ele o responsável pelos efeitos psicoativos da planta.

Hoje você vai conhecer os mais variados tipos de maconha. Desde as que tem um baixo nível de THC até as que são extremamente potentes e alucinógenas.

7 Tipos de Maconha

1 - Bruce Banner #3 (Strainwise – The Haven)

Considerada a sativa mais potente em 2013 pelo "Cannabis Cup", tem quase 30% de THC e foi cultivada no Colorado, EUA.

2 - Super Silver Haze

Foi a primeira vencedora do Cannabis Cup, em 1997 ainda. Seu prêmio não foi merecido pela sua potência, mas pelo seu efeito e sabor. Esse sabor inconfundível, que dá a planta um toque clássico, se deve graças a cruza de uma Skunk com a Haze e a Northern Lights.

3 – Cinderella99

Uma das variações mais conhecidas no Brasil é conhecida pelo seu aroma cítrico e por sua potência. Não é a maconha mais aconselhadas a quem está começando, pois entre seus efeitos está:
·       
  • Paranoia;
  • ·       Euforia;
  • ·       Excesso de energia energia; e
  • ·       crises de ansiedade.

4 - Strawberry Cough

Muito usada por quem gosta de consumir uma erva ainda no café da manhã. Tem esse nome por ter sido cultivada pela primeira vez em meio a uma plantação de morangos. Seus níveis de THC não são altos, chegando a apenas 18%.

5 – Euforia

Criada por um grupo de holandeses, seu nome faz jus aos seus efeitos. Apesar de ter apenas 18% de THC, se você estiver de dar uma agitada, esta é a variação perfeita para você.

6 – AK 47

Muito usada por quem gosta de consumir em grupos ou mesmo que seja só a dois. Entre seus efeitos, ela estimula o diálogo, o relaxamento e a euforia. Aconselhada para aquelas pessoas mais tímidas e que precisam de uma ajudinha na hora de conhecer uma parceira.

7 - Sour Diesel

Uma mistura entre 90% de Sativa e 10% de indica tem uma história um pouco misteriosa, pois poucas sabem ao certo onde foi cultivada pela primeira vez. 

Alguns dizem que sua origem se deve ao fato de um cruzamento entre Skunk, Chemdawg 91 e Northern Lights. Outros dizem que foi um cruzamento entre Mexican Sativa e Chemo. Sua origem ainda é um mistério, mas seus efeitos não. É aconselhada àqueles que acordam com estresse matinal e evita a fadiga.

Por enquanto, algumas dessas ervas são restritas e poucas pessoas têm acesso para o consumo. Geralmente são usadas apenas para fins terapêuticos.

Saiba mais: http://verdinha.club/

PS: não incentivamos o consumo de maconha e nenhum outro tipo de droga ilicita.


quarta-feira, 13 de abril de 2016

Sobre as técnicas “Low Poo” e “No Poo”

Se você é uma cacheada, muito provavelmente já ouviu falar das técnicas de Low Poo e No Poo. Mas se você nunca ouviu falar, não se preocupe! 

Nesse post vamos explicar direitinho do que se trata, como tudo isso começou e como aderir às técnicas.



No que se baseia o Low Poo e o No Poo?
Uma coisa é fato: sempre que compramos produtos para nossos cabelos – pelo menos a maioria de nós, nos atentamos ao que o produto está prometendo, mas raramente à sua composição. É verdade que é bem complicado entender todas aquelas palavras complicadas presentes na lista de substâncias do produto. Mas existem algumas que se repetem com muita frequência, e é muito importante avaliarmos se elas não causam nenhum mal aos cabelos.

Conhecendo as técnicas de Low Poo e No Poo um pouco mais a fundo, é possível fazer uma avaliação dos produtos e entender melhor a atuação das principais substâncias nos fios capilares. É importante ressaltar que essas técnicas focam em evitar substâncias maléficas aos fios.

Ambas as técnicas foram inventadas pela marca Deva Curl, uma das pioneiras em criar uma linha de produtos próprios para as necessidades das cacheadas.

Substâncias proibidas
Ambas as técnicas enxergam alguns vilões em comum. Porém, podemos citar o sulfato como principal substância a se banir da rotina diária de cuidados capilares. Trata-se de um agente limpante muito poderoso presente na maioria dos shampoos.

O problema ao utilizar sulfatos é que, ao fazer uma limpeza profunda, você retira também os lipídeos naturais do cabelo, ou seja, a oleosidade natural dos fios. Isso faz com que eles fiquem ressecados, sem vida e que percam diversos nutrientes.

É lógico que é necessário lavar e retirar o excesso de oleosidade dos fios, para que os cabelos não fiquem com aspecto sujo e pesado. Porém, o sulfato vai muito além, fazendo com que os fios percam sua proteção natural.

No caso de cabelos cacheados, essa reposição é muito mais complicada, já que o óleo não consegue chegar às pontas dos cabelos tão facilmente como chegam em cabelos lisos. Por esse motivo, evitar o uso de sulfato é uma técnica muito mais famosa e usada por mulheres de cabelos cacheados.

Existem outras substâncias proibidas, as quais entraremos em detalhes mais à frente.

Existem produtos próprios para essas técnicas?
Atualmente as marcas de produtos para cabelos enxergaram um enorme mercado em potencial que tem cada vez mais se apegado à essas técnicas. Portanto, novidades de produtos para seguir ambas as técnicas surgem a cada dia no mercado, de forma que fica extremamente difícil acompanhar todas as novidades.

Alguns sites e blogs fazem o possível para separar os produtos próprios para essas técnicas e ajudar suas leitoras. O Divas Cacheadas, por exemplo, fez uma página com uma lista de produtos para cabelos cacheados, todos liberados para as técnicas.

Além da Deva Curl, já citada ali em cima, muitas outras marcas têm criado produtos próprios, como a Lola Cosméticos e a Haskell.

Qual é a diferença entre o Low Poo e o No Poo?
Essa explicação poderia gerar pelo menos mais dois ou três posts completos aqui no blog. Porém, para facilitar essa explicação achamos mais didático mostrar um vídeo excelente, que explica mais sobre os proibidos e como aderir às técnicas.




Obrigado por ler mais esse post.